Você está aqui

International Code of Safety for High-Speed Craft

Símbolo: 
HSC CODE
Título em Português: 
Código Internacional de Segurança para Embarcações de Alta Velocidade
Propósito: 

Estabelecer padrões mínimos para projeto e construção de embarcações de alta velocidade (HSC) engajadas em viagens internacionais, o equipamento que deverá ser provido e as condições para sua operação e manutenção.
 

Situação Internacional: 

Os Códigos são Obrigatórios, de acordo com o Capítulo X da SOLAS.

O "International Code of Safety for High-Speed Craft, 1994, (1994 HSC Code)" foi adotado pela Resolução MSC.36(63) e emendado pelas Resoluções:
- MSC.119(74) com vigor em 1º/01/2003;
- MSC.174(79) com vigor em 1º/07/2006;
- MSC.221(82) com vigor em 1º/07/2008; e
- MSC.259(84) com vigor em 1º/10/2010.
Este código é originário da revisão do Código DSC (embarcações dinamicamente sustentadas) que é recomendatório.


O “International Code of Safety for High-Speed Craft, 2000, (2000 HSC Code)”, foi adotado pela Resolução MSC.97(73) e
emendado pelas Resoluções:
- MSC.175(79) com vigor em 1º/07/2006;
- MSC.222(82) com vigor em 1º/07/2008; e
- MSC.260(84) com vigor em 1º/07/2010.
O Código HSC-2000 entrou em vigor em 1º/07/2002. Este código é uma evolução do Código HSC-1994 com o aproveitamento da experiência ganha com a aplicação da versão 1994.

GLOSSÁRIO MULTILINGUAL DA IMO SOBRE CÓDIGO CRAFT DE ALTA VELOCIDADE (CÓDIGO 2000 HSC)

Situação no Brasil: 

A frota mercante nacional não conta com embarcações que se enquadrem na definição de HSC, conforme definido pela SOLAS, portanto, ainda não há disponibilidade de textos em português.